Bolsa Presença terá investimento de R$ 469 milhões e mais de 421 mil famílias serão beneficiadas

Bolsa Presença terá investimento de R$ 469 milhões e mais de 421 mil  famílias serão beneficiadas

O Governo da Bahia já disponibilizou o sexto crédito do Programa Bolsa Presença, que destina R$ 150 por mês para as famílias dos estudantes da rede estadual de ensino cadastradas no CadÚnico e em condições de vulnerabilidade socioeconômica. Com a ampliação do programa até o mês de dezembro, 421.308 famílias serão beneficiadas, alcançando 528.213 estudantes. O investimento no Bolsa Presença, que era de R$ 280 milhões inicialmente, passou para R$ 469 milhões com recursos próprios do Estado.

“O Bolsa Presença faz parte do Programa Estado Solidário e é uma das políticas de assistência estudantil que têm contribuído para ajudar as famílias e possibilitar que os seus filhos e filhas permaneçam na escola. E é com este objetivo que o programa foi ampliado até dezembro”, afirmou o secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, ao lembrar que os recursos também movimentam a economia em todos os municípios do Estado.

Com a pandemia, a manicure Cássia Daniele de Almeida dos Santos, de Juazeiro, teve uma queda considerável na renda mensal. Dos três filhos, dois estudam no Colégio Estadual Lomanto Júnior e um no Helena Celestino. Ao receber os benefícios, Cássia já tem em mente o que comprar: feijão, arroz, alguma carne, materiais de higiene pessoal e limpeza doméstica.

“Estamos morando de favor em uma casa que foi do meu pai. A situação está bem difícil, o que vem salvando a gente é este benefício. Todo mês tem sido uma luta para nos mantermos. Estou grata porque, se não fosse por isso, a situação estaria ainda mais complicada”, relata a manicure.

A estudante Loane Mascarenhas Santos de Oliveira, 17 anos, estuda no Colégio Estadual Dalva Matos, em Salvador, e afirma que o benefício tem sido importante para a família. “Moro com mais cinco pessoas e nenhum de nós está com trabalho fixo. O Bolsa Presença ajuda nas despesas de casa. Sempre que recebemos o valor, vamos ao mercado comprar os produtos básicos de higiene e alimentação”.

A concessão do benefício está vinculada à assiduidade nas aulas ministradas pela unidade escolar em que o aluno esteja matriculado; à participação obrigatória dos estudantes nas avaliações de aprendizagem promovidas pela unidade escolar, visando orientar o acompanhamento pedagógico; e à manutenção dos dados cadastrais atualizados na unidade escolar e de sua família no CadÚnico.

O programa tem o objetivo de estimular a permanência no processo de aprendizagem escolar dos estudantes da rede estadual, considerando as especificidades da educação contextualizada e inclusiva. O Governo do Estado ampliou a vigência e a concessão do Programa Bolsa Presença com a implantação da segunda etapa, de acordo com a Portaria nº 1.522/2021, publicada pela Secretaria da Educação do Estado (SEC), no dia 30 de setembro, no Diário Oficial. A portaria estabelece que a segunda edição do programa terá a duração de três meses, com início em outubro e término em dezembro de 2021.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado


Presidente da Amurc participa de inauguração e vistoria de obras em Floresta Azul

O presidente da Amurc e prefeito de Itajuípe, Marcone Amaral, participou da cerimônia de entrega de obras e equipamentos no município de Floresta Azul, nesta sexta-feira, 8. O evento, promovido pelo Governo do Estado, reuniu prefeitos, secretários municipais, vereadores, deputados estaduais e federais.

“O município de Floresta Azul está de parabéns com os investimentos anunciados pelo governador Rui Costa, e a população só tem a ganhar com as obras que elevam a qualidade de vida”, declarou Marcone Amaral.

O município de Floresta Azul foi contemplado com a ampliação do Sistema Integrado de Abastecimento de Água de Floresta Azul, Santa Cruz da Vitória e Firmino Alves, um investimento aproximado de R$ 4 milhões. Além da construção da nova sede da Escola Estadual Fred Gideon, que passará a contar com mais estrutura e oferecerá ensino em tempo integral.

Segundo o governador Rui Costa, trata-se de “mais uma unidade escolar sendo construída no interior da Bahia, com o objetivo de levar mais qualidade de ensino e acesso a atividades esportivas e culturais aos nossos estudantes. A obra aqui em Floresta Azul faz parte do pacote de R$ 2 bilhões que estão sendo empregados neste ano de 2021 para requalificações, ampliações e novas construções de escolas em todo o estado”, destacou Rui.

O governador também inaugurou o Mercado Municipal Zely Teixeira, que ganhou melhorias na estrutura, com um investimento da ordem de R$ 1.163.830,87. Associações de produtores rurais e artesãos foram contemplados com 40 barracas de feira que ajudarão a dar mais visibilidade e escoar a produção de pequenos produtores e artesãos locais.


Rui anuncia liberação de público nos estádios da Bahia com limite de 30%

Rui anuncia liberação de público nos estádios da Bahia com limite de 30%

As torcidas de Bahia e Vitória estão liberadas para irem ao estádio. Nesta sexta-feira (8), o governador Rui Costa (PT) anunciou a permissão de 30% da capacidade a partir deste sábado (9), quando a medida será divulgada no Diário Oficial do Estado

“Será obrigatório o uso de máscara pelos torcedores, que deverão comprovar a imunização completa contra a Covid-19”, escreveu Rui, em sua conta oficial no Twitter, após reunião com a Secretaria da Saúde da Bahia. 


Globo abre inscrições para quem deseja participar do ‘No Limite’

Foto: Reprodução/TV Globo
Foto: Reprodução/TV Globo

A Rede Globo abriu, nesta sexta-feira (8), as inscrições para a nova temporada do reality show “No Limite”. O programa vai ser exibido em 2022.

Para concorrer a uma vaga no programa de sobrevivência é preciso preencher todos os campos indicados no questionário além de enviar vídeo e fotos. A produção do programa vai entrar em contato com os concorrentes por e-mail. Para se inscrever basta acessar o link e seguir os comandos. 

A última edição do programa foi ao ar neste ano em uma edição especial com ex-BBBs. Paula Amorim, participante do “BBB18”, foi a vencedora.


Rui recebe Kits de produtos da Bahia Cacau

Durante evento de inaugurações promovido pelo governo do Estado nesta sexta-feia,08, no município de Floresta Azul no Sul da Bahia o governador Rui Costa ganhou de presente uma cesta com o mix de chocolates da Bahia Cacau.

O gesto de gratidão foi oferecido pelo presidente da Cooperativa da Agricultura Familiar e Economia Solidaria da Bacia do Rio Salgado e Adjacências- COOPFESBA Osaná Crisóstomo do Nascimento. “O governo Rui Costa tem apoiado nosso agricultores cooperados com investimentos no projeto Aliança Produtiva e contribuído bastante para que o chocolate Bahia Cacau alcance novos mercados. Temos muito a agradecer”, disse Nascimento.

Bahia Cacau é a primeira fábrica de chocolate da agricultura familiar do Brasil, administrada pela COOPFESBA.  O empreendimento foi criado no ano de 2010 e agrega valor à cadeia produtiva da cacau, além de contribui na preservação da Mata Atlântica no Sul da Bahia e na elevação da renda dos agricultores familiares.


Emirados Árabes querem atrair empresas alimentícias brasileiras

Da Agência Brasil

Com uma terra majoritariamente composta por deserto, com pouca água e pouca terra cultivável, os Emirados Árabes Unidos têm uma preocupação especial com sua segurança alimentar. Mais de 80% dos alimentos consumidos no país são importados.

Segundo a ministra de Mudanças Climáticas e Meio Ambiente dos Emirados Árabes, Mariam Almheiri, o Brasil, cuja principal pauta exportadora para a nação árabe são alimentos (em especial carne de frango), é um parceiro importante para garantir que não falte comida para o país.

Mas os Emirados Árabes não vêem o Brasil apenas como um exportador de gêneros alimentícios. Durante abertura de encontro de empresários das duas nações, hoje (3) em Dubai, a ministra destacou que seu país pode ser atrativo para empresas brasileiras que queiram aí se estabelecer, devido à qualidade da infraestrutura de transportes e a proximidade com grandes mercados consumidores no Oriente Médio, Norte da África e subcontinente indiano.

Ela citou a BRF como exemplo de empresa brasileira que estabeleceu uma planta industrial nos Emirados. “Produtores de alimentos brasileiros que queiram se estabelecer nos Emirados Árabes podem se beneficiar de leis recém-criadas que permitem 100% de propriedade estrangeira na produção de trigo, milho, cevada, legumes e cana-de-açúcar, alimentos básicos de que o país precisa”, disse a ministra.

Agrotecnologia

Mariam Almheiri também explicou que os Emirados Árabes têm interesse nas tecnologias agrícolas brasileiras. Segundo o vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, que também participou do encontro em Dubai, a ministrou interesse pelo trabalho desenvolvido pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária.

“Nós desenvolvemos uma tecnologia que transformou o cerrado brasileiro, uma terra que ninguém achava que ia produzir algo, no maior celeiro do Brasil hoje. Isso é o que a gente pode exportar para outros países. É onde a ministra gostaria que houvesse esse trabalho. Com a tecnologia que nós desenvolvemos, com o plantio direto, o não uso de determinados tipos de fertilizantes e sem danificar a terra, hoje no cerrado, em alguns lugares, conseguimos ter três safras por ano exatamente por causa dessa tecnologia. Nas nossas conversas com outros países, temos sido sempre enfáticos nessa questão, que estamos prontos para auxiliar e difundir isso aí”, disse.


Vacinação contra a Covid-19 segue nesta segunda-feira, em Ilhéus

A secretaria municipal de Saúde da Prefeitura de Ilhéus (Sesau) segue com a vacinação contra a Covid-19 para pessoas com 18 anos ou mais, imunossupressores e idosos com 70 anos ou mais nesta segunda-feira, 4. A 2ª dose da vacina será aplicada nos postos de saúde, em seus respectivos horários de funcionamento, e no CMAE (antigo colégio Fênix), na Avenida Canavieiras, das 8h às 13h.

Documentação – Os usuários devem apresentar CPF, cartão do SUS, comprovante de residência e cartão de vacinação, e constando a aplicação, seja para quem vai tomar a segunda dose ou a dose de reforço (3ª dose). 

Os imunossuprimidos devem apresentar o laudo ou relatório médico que comprove a comorbidade.


“Em qualquer governo sério, Guedes seria demitido”, diz Boulos sobre envolvimento do ministro com Pandora Papers

Guilherme Boulos

“É escandaloso que o ministro da economia esteja dos dois lados do balcão, além de poder ser um crime pelas suspeitas de movimentação no exercício do cargo”, disse Boulos ao site Poder360.

Para Boulos, Guedes teria lucrado com os resultados da sua política econômica que, segundo o psolista, são a volta da fome e a valorização do dólar. “Não contente em destruir a economia, devolver o país ao mapa da fome, ele conseguiu lucrar com isso”, afirmou, e completou: “Em qualquer governo sério, Paulo Guedes estaria demitido depois de um escândalo como esse”.

O escândalo dos Pandora Papers estourou neste domingo. Trata-se de uma sequência de reportagens do Consórcio Internacional de Jornalistas com informações de 11,9 milhões de arquivos que reúnem o trabalho de 14 assessorias para offshores. As revelações até o momento restringem-se a contas operadas nas  Ilhas Virgens Britânicas (BVI), situadas no Caribe, jurisdição há muito conhecida como peça chave no sistema offshore. Os documentos secretos expõem negociações offshore do rei da Jordânia, dos presidentes da Ucrânia, Quênia e Equador, do primeiro-ministro da República Tcheca e do ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair. 

Os arquivos também detalham as atividades financeiras do mais de 130 bilionários da Rússia, Estados Unidos, Turquia  e outros países.

Entre as autoridades cujos nomes aparecem nos documentos vazados estão o ministro da Economia do Brasil, Paulo Guedes, e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.

No Brasil, participam da investigação, feita pelo Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos, o ICIJ, com sede em Washington, DC, a revista Piauí, os sites Poder360 e Metrópoles e a Agência Pública.(Brasil 247)


Sistema produtivo do leite no Sisal recebe investimentos

Para fortalecer e ampliar o sistema produtivo do leite no Território de Identidade do Sisal, foi assinado, nesta sexta-feira (01), um convênio entre o Governo do Estado, por meio do projeto Bahia Produtiva, e a Cooperativa Mista dos Agricultores Familiares do Território do Sisal (Coopsisal), no valor de R$3,2 milhões.

Será realizada a reforma e ampliação do laticínio do povoado Ouro Verde, no município de São Domingos, e entregues equipamentos e máquinas para a produção de queijo, iogurtes e outros derivados e também para a base produtiva, como ordenhadeiras e forrageiras. A cooperativa já vem recebendo o serviço de assistência técnica e extensão rural (Ater).

O diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Wilson Dias, explicou que a unidade ficará estruturada e adequada para gerar emprego e renda e agregar valor ao leite, proporcionando condições de sustentabilidade ao agricultor: “Quando a gente gera essas oportunidades a população responde. Esperamos que com esses investimentos os agricultores possam produzir mais e possam aumentar o número de agricultores que produzem leite no município, pois vai aumentar a capacidade produção e se expandir ainda mais. O laticínio é muito mais que um lugar onde se entrega a produção, é uma garantia de comercialização e geração de renda”.

O investimento vai beneficiar quatro organizações da agricultura familiar, vinculadas à Coopsisal. São elas a Cooperativa dos Produtores de Leite de Santa Luz; Cooperativa de Produção Agropecuária do Projeto de Assentamento; Associação dos Pequenos Produtores de Ichu de Dentro; e o Conselho dos Moradores do Distrito de Santa Rita de Cássia, localizadas nos municípios de Santa Luz e Valente e São Domingos.

O presidente da Coopsisal, Nadson Carvalho, explicou que ainda tem dificuldade de comercialização e de ter uma estabilidade no valor do leite. Porém, esse investimento vai ser de fundamental importância para a comunidade: “Era um sonho que a gente tinha de ter essa reforma no laticínio. Estamos na cidade que é uma das maiores produtoras de leite e tem um potencial enorme de continuar crescendo e essa reforma e ampliação vai ser muito importante para que a gente possa dar melhores condições aos produtores”.


Prefeito nomeia integrantes do Conselho Municipal de Defesa e Segurança Pública

Itabuna: Prefeito nomeia integrantes do Conselho Municipal de Defesa e Segurança  Pública

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), assinou o Decreto nº 14.679, publicado na edição eletrônica do Diário Oficial do Município em que nomeia titulares e suplentes do Conselho Municipal de Defesa e Segurança Pública (Comdesp). Integram o Conselho, representantes de órgãos públicos e da sociedade civil organizada.

O Comdesp é composto por representantes das secretarias de Governo, Educação, Planejamento, Promoção Social e Combate à Pobreza, Transporte e Trânsito, subseção da OAB de Itabuna, Polícia Militar/Comando de Policiamento Região Sul, Polícia Civil, Defensoria Pública Municipal e Polícia Federal.

Também o integram representantes das seguintes entidades civis: Diocese de Itabuna, Associação Baiana de Imprensa/Regional Sul, Instituto de Cultura Espírita de Itabuna, sindicatos dos Comerciários de Itabuna, dos Trabalhadores e de Produtores Rurais de Itabuna, Unime, UniFTC, Câmara de Dirigentes Lojistas e Associação Comercial e Empresarial de Itabuna.

Entre as atribuições do Comdesp estão estabelecer as políticas públicas de segurança pública e defesa da comunidade, e ainda viabilizar a realização de programas, ações, atividades e serviços específicos de combate a violência e à criminalidade. Também é responsável pelo acompanhamento e avaliação dos serviços de defesa e segurança pública e privada prestados a população pelos setores públicos e privados.

Ao Comdesp cabe ainda organizar e realizar a Conferência Municipal de Defesa e Segurança Pública, além de realizar visitas aos órgãos responsáveis pela segurança pública do município, bem como a instituições carcerária e de custódia.