Justiça Eleitoral faz recadastramento biométrico obrigatório em Ilhéus

ilheusOnze postos de atendimento, sendo nove na Biblioteca Municipal Adonias Filho e dois no Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC), ambos localizados no centro da cidade, além de 33 colaboradores e acesso à Internet. Estes são os recursos disponibilizados pela Prefeitura de Ilhéus no acordo de cooperação técnica e operacional assinado na manhã de hoje, 18, com a Justiça Eleitoral, na Biblioteca Pública Adonias Filho.

O evento contou com a presença do prefeito, Mário Alexandre, o vice e secretário de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, José Nazal Soub, o presidente da Câmara de Vereadores, Lukas Paiva e os secretários municipais de Administração, Bento Lima, e de Comunicação Social, Alcides Kruschewsky, além do Controlador Geral do Município, Alex Souza.

A partir de hoje (18) e até o prazo final, estabelecido pela Justiça Eleitoral, para 31/01/2018, a ação visa efetivar os 135.635 eleitores do município aptos a votar. O período serve também para as pessoas regularizarem os seus títulos de eleitor suspensos por diversos motivos.

Ilhéus possui duas zonas eleitorais, classificadas como 25ª e 26ª. Estiveram também presentes ao ato de assinatura do acordo, os juízes da 25ª, Guilherme Vieito Barros Júnior, e da 26ª Zona Eleitoral, Thea Cristina Muniz Cunha, além dos seus respectivos chefes de cartório, Sayonara Santos Barbero e Ariston Silveira. Na oportunidade, os juízes destacaram que, sem a ajuda da Prefeitura, não seria possível a realização do serviço, bem como frisaram a disponibilização de colaboradores e toda a estrutura cedida para viabilizar a adesão dos eleitores ao novo e obrigatório sistema de recadastramento biométrico.

O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 08 às 18 horas, na Biblioteca Municipal, e das 08 às 15h30min, no SAC. Além desses postos de atendimento, o recadastramento pode ser feito no Fórum Eleitoral, localizado à Avenida Governador Roberto Santos, s/n, bairro Esperança, em frente ao Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, diariamente, também das oito da manhã às três e meia da tarde.

Para o processo, é necessário apresentar original e cópia do RG, CPF e comprovante de residência atual emitido há no máximo três meses, em nome do eleitor ou de parente. Vale lembrar que homens com idade entre 18 e 45 anos devem também levar comprovante de quitação com o serviço militar. O procedimento consiste em coletar as digitais, fazer registro fotográfico, colher assinatura digital e revisar dados cadastrais do eleitor.


Comentários