Vane homologa a candidatura de Azevedo em Itabuna

Do blog do Bené

Na noite desta sexta-feira, dia 05, na quadra do Colégio Sistema, durante a convenção que lançará Capitão Azevedo como postulante ao cargo de chefe do Executivo itabunense, um detalhe não pode passar despercebido: a candidatura do ex-prefeito, do DEM, será homologada pelo seu principal opositor, o prefeito Vane que, na condição de presidente do PRB local, a referendará junto à Justiça Eleitoral.

Isso significa que, em termos políticos e jurídicos, Capitão Azevedo é o candidato de Vane, apesar de o atual prefeito afirmar publicamente que tem simpatia pela candidatura de Davidson Magalhães. Semana passada, o ex-deputado federal do PCdoB, apoiado pelo PPS, PEN, PSD e PP, teve seu nome homologado. Vane não foi à convenção, no Centro Adonias Filho.

Outro detalhe: além de Roberto José, vice na chapa de Azevedo, cinco secretários de Vane – Evandro Pereira (Assistência Social), Marcos Cerqueira (Fazenda), Oton Matos (Controladoria), Valério Hafner (Transportes), Nilmecy Gonçalves (FICC) – apoiam abertamente o candidato do PTB. Pelo menos, cinquenta pessoas que detém cargos de confiança no Centro Administrativo, fazem campanha em favor do ex-prefeito.

E mais: o vereador Pastor Francisco, da Igreja Universal, vice-presidente do PRB itabunense, afirma categoricamente que não caminha com Davidson. A deputada Tia Eron, presidente estadual do partido, ungiu o casamento dele com Azevedo. O Pastor Rosilúcio, da Assembleia de Deus – candidato a vereador de Vane pelo PEN – está de corpo e alma na campanha do ex-prefeito.

Falta, portanto, coerência ao comportamento morno do cristão Vane – professor da Igreja Dominical da Igreja Assembleia Deus.

Como fiel e dedicado evangélico, o irmão Vane é ciente que “ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom”.

É o que nos ensina Cristo Jesus, segundo o evangelista Matheus…


Comentários