Trabalhadores param atividades na limpeza pública de Jequié

Assembleia_torre_jequie_05_11_15Nesta quinta-feira(05), os trabalhadores da limpeza pública do município de Jequié decidiram cruzar os braços devido o atraso de 30 dias no pagamento do vale alimentação e da cesta básica disponibilizado pela empresa Torre Ambiental, responsável pelo serviço de limpeza urbana no município da terra do sol.

De acordo Elivan Oliveira, diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul da Bahia (Sindilimp), a paralisação “foi uma decisão tomada na assembleia hoje, e os trabalhadores só retornarão as atividades de coleta, varrição de ruas e poda, quando for depositado o dinheiro do vale alimentação e da cesta básica na conta”.

O Sindilimp pede a compreensão da população jequiense pelos transtornos, e acredita em uma solução o mais rápido possível para o problema.


Comentários