Trabalhadores da empresa Torre protestam em Jequié

Prostesto_torre_jequie_21_06_2016Começou hoje(21) no município de Jequié uma paralisação dos trabalhadores terceirizados da empresa Torre Empreendimentos que prestam serviços na limpeza pública. A decisão de cruzar os braços foi devido ao não pagamento do terço-férias de parte dos trabalhadores, nos últimos dias.

Os funcionários da Torre vem fazendo diversas paralisações  este ano por a empresa desrespeitar os direitos dos trabalhadores  e não cumprir com obrigações definidas na Convenção coletiva.

“O Sindicato está na luta  para fortalecer os trabalhadores que prestam um serviço de utilidade pública em Jequié,  onde  estão constantemente com seus direitos violados” explica José Carlos, coordenador licenciado do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul (Sindilimp)

Um termo de compromisso  assinado hoje  entre a prefeitura de Jequié, a  Torre e o  Sindilimp estabeleceu os prazos para a prefeitura pagar os recursos atrasados a empresa Torre. Uma  primeira  parcela será paga no final deste mês e a outra parcela  no início no mês  de julho, para regularizar a situação dos atrasos de pagamentos.


Comentários