Sisu abre inscrições para 55 mil vagas

Para concorrer, o candidato precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014 - Foto: Ag. A TARDEAs inscrições no Sistema de Seleção Unificada começam nesta segunda-feira, 8. Os interessados podem consultar as vagas disponíveis no site do sistema. Esta edição vai oferecer 55.576 vagas em 72 instituições públicas.

Para participar do Sisu, o candidato precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014 e não ter zerado a redação. As inscrições estarão abertas até quarta, 10.

Na hora da inscrição, o candidato deve escolher, por ordem de preferência, até duas opções entre as vagas ofertadas pelas instituições participantes do Sisu. Também deve definir se deseja concorrer às vagas de ampla concorrência àquelas reservadas como previsto na Lei de Cotas (Lei 12.711/2012).

As cotas são para estudantes que cursaram integralmente o ensino médio em escolas públicas. Nesta edição do Sisu, pelo menos 37,5% das vagas serão para cotistas.

Durante o período de inscrição, uma vez por dia, o Sisu calcula a nota de corte, que é a menor nota para ficar entre os potencialmente selecionados para cada curso, com base no número de vagas disponíveis e no total de inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência. A nota é apenas uma referência, não se trata de garantia de que o estudante será selecionado. Até o final do período de inscrição, o candidato pode mudar de opção de curso.(A Tarde)


Simões critica falta de iniciativa da prefeitura sobre UFSB

Geraldo-SimoesO ceplaquiano e ex-deputado federal Geraldo Simões reclamou em sua página no Facebook, da pouca iniciativa da prefeitura de Itabuna ao longo dos anos sobre o processo de implantação e funcionamento da Universidade Federal do Sul da Bahia(UFSB).

A preocupação do petista aumentou quando soube da iniciativa e liderança do superintendente regional da Comissão Executiva do Plano Executivo da Lavoura Cacaueira (Ceplac) Juvenal Maynart, de fazer a cessão definitiva em curto período de tempo de um pedaço do terreno da organização, para UFSB construir parte de suas instalações. E a prefeitura de Itabuna até o momento ficar apenas na promessa.

“O município de Itabuna é quem deveria ser o primeiro a se movimentar, garantir o terreno em seu território, se interessar pela implantação dessa instituição que será o passaporte para nosso desenvolvimento”, questionou Geraldo Simões, um dos principais responsáveis pela conquista da  UFSB.

Ainda segundo Geraldo, Itabuna sofre pela falta de liderança do gestor do Centro Administrativo Firmino Alves. “Essa falta de apetite não apenas manda um sinal negativo para a sociedade, como também prejudica a própria agenda de implantação, com risco de perder recursos, como já ocorreu.”, finalizou o petista.


Uefs inscreve para mestrado em Astronomia

A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) inscreve até o próximo dia 12 para a pós-graduação stricto sensu, nível de mestrado, em Astronomia. As áreas de concentração são o Ensino e Difusão da Astronomia e as linhas de pesquisa voltadas para o Ensino Interdisciplinar e Difusão Científico-Tecnológica.

O Mestrado Profissional em Astronomia tem como missão formar e capacitar professores dos ensinos fundamental, médio e superior (redes municipal, estadual e particular de ensino), além de profissionais de museus e centros de ciências com atuação nas áreas de Física, Química, Matemática Biologia, História e Geografia, para o exercício e a construção de conhecimentos de forma interdisciplinar e contextualizada. Inscrições presenciais são realizadas no Laboratório de Física, localizado no módulo 4 do Campus Universitário, sala 8, no horário das 8 às 12h. Outras informações estão disponíveis na internet e podem ser obtidas também pelo telefone (75) 3161-8289.


Solenidade marcará doação de terreno da CEPLAC para a UFSB

CEPLAC-UFSB-copy1Por Malu Carvalho

No dia 09 de junho, a Universidade Federal do Sul da Bahia terá seu marco histórico: a Solenidade de assinatura do Termo de Cessão de terreno da CEPLAC destinado à implantação do campus Jorge Amado.

O terreno será de grande valia para a Universidade que poderá dar início às construções dos prédios que abrigarão laboratórios, sala de aulas e demais estruturas acadêmica-administrativas para o Instituto de Humanidades, Artes e Ciências, para o Centro de Formação em Tecno-Ciências e Inovação e para o Centro de Formação em Ciências e Tecnologias Agro-Florestais.

A área http://www.pimenta.blog.br/wp-content/uploads/2015/06/UFSB-Campus-Jorge-Amado.jpgcedida possui 37 hectares de superfície. Para a continuidade do projeto, a Prefeitura Municipal de Itabuna fará a desapropriação de 40 hectares destinados à construção da reitoria. Uma área equivalente é esperada da Prefeitura Municipal de Ilhéus, finalizando então toda a área do campus Jorge Amado, que abrangerá as cidades de Itabuna e Ilhéus.

Foram convidados para o evento o Governador do Estado, Rui Costa; a Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Regina de Abreu; o Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, José Aldo Rebelo Figueiredo; Parlamentares Federais e Estaduais; Prefeitos de Itabuna, Ilhéus, Coaraci, Itajuípe, Ibicaraí, Porto Seguro e Teixeira de Freitas; Câmaras de Vereadores dos referidos municípios; Reitores das Universidades Públicas do Estado da Bahia; representantes da Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, entidades e ONG’s da Região Sul do Estado da Bahia.

A solenidade ocorrerá no dia 09 de junho, às 11 horas no Auditório do Centro de Pesquisas do Cacau na CEPLAC, localizado no Km 22 da BR 415, Rodovia Ilhéus/Itabuna, Ilhéus-BA.


Parceria facilitará o gerenciamento do Plano de Educação nos municípios

Thaisa_Explica_Conviva
Técnicos municipais insere PME no portal Conviva(foto Josivaldo Dias)

Por Viviane Cabral | Amurc

Através de um convênio firmado entre Amurc, Instituto Natura e Constat Consultoria, secretários e técnicos municipais estão participando de uma oficina nesta quarta-feira, 3, na Unime – Itabuna, para o preenchimento de dados municipais do Plano Municipal de Educação (PME) na ferramenta eletrônica do Conviva. O projeto permitirá ao município, monitorar, cotidianamente, o andamento e a aplicação do Plano, a partir das metas e estratégias estabelecidas.

A oficina precede uma série de atendimentos individuais dos gestores da educação municipal, realizados pela equipe da Constat, na sede da Amurc, com o objetivo de impulsionar a criação e a regularização dos PMEs, tendo em vista que a Lei 13.005/2014 determina aos municípios estarem com os planos aprovados até o dia 25 de junho deste ano. Os trabalhos são coordenados por Thaisa Cavalcante da Constat.

101_7141
Sergio Luiz consultor da Constat

A partir da ferramenta do Conviva, o técnico/consultor da Constat, Sérgio Luiz Nascimento explica que o Plano deixa de ser um documento de “gaveta” e passa a ser verificado cotidianamente pela gestão. “Então, não somente o secretário, mas as pessoas por ele designado vão ter as condições de observar com imediata exatidão, em que pé está o andamento do Plano ou, o que pode ser feito para poder regularizar o andamento e atingir as metas e estratégias que foram traçadas”, explicou.

Ainda de acordo com Sérgio, assim que os Planos estiverem concluídos, com as metas e estratégias já estabelecidas, a próxima fase será de encaminhamento para o Poder Legislativo Municipal, onde os vereadores avaliarão e aprovarão, para, em seguida passar pela sanção do (a) prefeito (a).

Dentre os gestores educacionais presentes na oficina, a secretária de Educação de Itapetinga, Sibele Nery, revelou que o Plano Municipal da cidade já foi encaminhado a Câmara Municipal, está aguardando a aprovação. Da mesma forma avaliou a secretária de Educação do município de Igrapiúna, Aldair Souza, que segundo ela, o plano já foi apresentado aos vereadores e aguarda a aprovação da Câmara Municipal.

Para os profissionais que atuam na Educação Municipal no interior da Bahia, as oficinas de orientação e acompanhamento para a construção do PME tem sido uma grande oportunidade para o intercâmbio de experiências. “Essa parceria tem nos fortalecido e a convivência com os outros secretários, a troca de experiências tem sido muito importante para nós que estamos na Gestão Pública, na Educação, porque aprendemos uns com os outros”, destacou Aldair Souza.

 


Governo abre 6.145 vagas para professores da rede estadual pelo REDA

O Governo da Bahia, por meio da Secretaria da Educação, publicou edital, na edição do Diário Oficial desta quinta-feira (4), com a oferta de 6.145 vagas para as funções de professor da Educação Básica, da Educação Profissional e de professor indígena nas unidades escolares da rede estadual.

O Processo Seletivo Simplificado, por tempo determinado de até 24 meses e possibilidade de renovação por igual período uma só vez, objetiva à contratação dos professores pelo Regime Especial de Direito Administrativo (Reda).

Confira Edital.

Conforme o edital, 4.616 vagas destinam-se a docentes do ensino básico, 1.282 (docentes da Educação Profissional) e 247 (professor indígena). Havendo necessidade e interesse da Administração e disponibilidade orçamentária, o número de vagas previsto no edital poderá ser ampliado.

Das vagas oferecidas no prazo de validade do processo seletivo, 30% são reservadas a candidatos negros, em cumprimento ao disposto no Artigo 49 da Lei estadual nº 13.182 de 06/06/2014, bem como às disposições do Decreto estadual nº 15.353 de 08/08/2014.

O processo seletivo será executado pela Consultoria em Projetos Educacionais e Concursos Ltda. (Consultec), empresa contratada conforme o Processo Administrativo nº 0031857-6/2015, publicado no Diário Oficial do Estado de quarta-feira (3).

Inscrições e provas

As inscrições podem ser feitas das 8h do próximo dia 11 até a zero hora de 26 de junho no site da Consultec. Para se inscrever o candidato deve obrigatoriamente utilizar o número do CPF e o documento de identificação.

A aplicação das provas está prevista para 26 de julho de 2015, em horário, turno e locais informados no Cartão de Convocação disponibilizado no site. A data pode ser alterada em decorrência da disponibilidade de local para realização das provas.

Como estabelece o edital, o prazo de validade da seleção é de um ano, contado da data da homologação, podendo antes de esgotado esse prazo, ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da administração, por ato expresso do secretário da Educação, Osvaldo Barreto.


Professor da Uesc destaca o papel das instituições para o desenvolvimento da economia Sulbaiana

Elson Mira e Luiz Ribeiro  Reunião da ACI  1º de junho de 2015 (3)
Elson Mira e Luiz  Ribeiro na reunião da ACI

Por Viviane Cabral

Durante a tradicional Reunião Ordinária da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna – ACI, realizada nesta segunda-feira, 1º, o Economista e Professor do Departamento de Ciências Econômicas da Uesc, Elson Cedro Mira apresentou o livro de sua autoria, “Mudança Institucional e Reconversão Produtiva no Sul da Bahia”, que analisa o papel das instituições e a economia no eixo Itabuna-Ilhéus.

O livro foi lançado recentemente na Uesc e está sendo apresentado, de forma extensiva, a comunidade através de palestras nas instituições locais, com o objetivo de levar às pessoas, o resultado de suas pesquisas acadêmicas. De acordo com sua análise, a região passou por mudanças, e o cacau deixou de ser a base da economia, sendo substituída pelo setor terciário.

Dividido em três capítulos, o primeiro trata do aspecto teórico, demonstrando a relação entre as instituições e a economia. No segundo, é feito um diagnóstico econômico do sul da Bahia, utilizando dados oficiais do IBGE, Secretaria de Estado da Bahia, do Ministério do Trabalho e Emprego. Por último, ele demonstra que, mesmo a despeito dessa economia terciária, as instituições continuam cacaueiras.

Elson Mira Reunião Ordinária da ACI  1º de junho de 2015 (9)“Hoje está praticamente unanime que as instituições têm uma importância fundamental para o desenvolvimento econômico. Mas quando as instituições reconhecerem que a economia regional vem crescendo e tendo como base o setor terciário, ela vai ter condição de dar a contribuição, que inclusive a economia precisa para que o desempenho econômico seja ainda melhor”, avaliou o profissional.

Para o presidente da ACI, Luiz Ribeiro, o livro traz um diagnóstico muito importante para a classe empresarial e comercial de Itabuna, pois mostra uma realidade, que até então, era desconhecida. “Então, cabe às entidades, os empresários e comerciantes aproveitarem esse momento e solicitar dos nossos representantes (prefeitos, vereadores, deputados), mais investimentos no setor terciário, tendo em vista que é um nicho de mercado em ascensão”.

Em sua análise, o professor destaca que, segundo dados do IBGE e SEI de 2009, a distribuição setorial do PIB em Itabuna esteve dividida em: 78 % terciária, 20,7 % secundária e 0,7 % primária. Em Ilhéus, apesar da diferença nos dados, ainda há proeminência do setor terciário – 61,9%, em detrimento dos setores, secundário – 34,6 e primário – 3,5 %.

Os interessados em adquiri o exemplar do livro pode entrar em contato através do e-mail: [email protected]


Enem 2015 já recebeu 5,8 milhões de inscrições

Balanço divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) informa que, até as 10h de hoje (4), 5,8 milhões de estudantes fizeram a inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O prazo de inscrições termina amanhã (5), às 23h59 (no horário de Brasília). As provas serão nos dias 24 e 25 de outubro em mais de 1,7 mil cidades. As inscrições devem ser feitas pela internet, no site do Enem. Amanhã também é a data limite para fazer qualquer alteração nos dados cadastrais.

É na hora da inscrição que os participantes podem solicitar atendimento especializado ou específico. O atendimento especializado é oferecido a pessoas com baixa visão, cegueira, visão monocular, deficiência física, deficiência auditiva, surdez, deficiência intelectual, surdocegueira, dislexia, deficit de atenção, autismo, discalculia (alteração neurológica que dificulta a aprendizagem de números) ou com outra condição especial.(Correio)