Prefeitura decreta Luto Oficial pela morte do Frei Joaquim Camelli

frei-joaquim-camelli-foto-nilson-ramos-1Ao tomar conhecimento da morte do Frei Joaquim Camelli, aos 87 anos, ocorrida às 12h10min da segunda-feira (10), o prefeito Fernando Gomes, decretou Luto Oficial durante três dias, em todo território do município de Itabuna. Lamentando com profundo pesar o passamento do sacerdote, o chefe do executivo itabunense lembrou que Frei Joaquim foi o mais expressivo religioso da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos, congregação franciscana, a atuar no município de Itabuna por mais de 60 anos.

No Decreto nº 12.605, o prefeito ressaltou ainda o incansável engajamento do saudoso sacerdote na luta pela evangelização neste município, desde quando aqui chegou ainda na década de 50, sempre preocupado com a implantação de metodologias visando ampliar a atuação da Igreja Católica, além da contribuição do religioso no campo da educação. Ao justificar o decreto de Luto Oficial, Fernando Gomes destacou o dever do executivo municipal de homenagear todos aqueles que cumpriram integralmente o dever cívico de bem servir à comunidade, para que seu exemplo seja repassado às novas gerações.

Ainda na noite de segunda-feira, o prefeito Fernando Gomes, ao lado da secretária de Assistência Social, Sandra Neilma, esteve na Igreja Matriz de Santa Rita de Cássia, no bairro São Caetano, acompanhando o início do velório do corpo do Frei Joaquim e manifestando sua solidariedade aos frades franciscanos, bem como à comunidade paroquial a qual o religioso dedicou a sua vida, evangelizando, acolhendo e servindo aos mais necessitados.

“Frei Joaquim deixa um legado de amor imensurável à Itabuna. Basta olharmos para a zona sul da cidade iremos constatar o quanto ele contribuiu para o seu desenvolvimento. Pois, em torno de cada igreja, capela e centro comunitário que ele construiu surgiram bairros dos mais populosos do município. Portanto, toda a comunidade itabunense está entristecida, principalmente os mais carentes a quem ele tanto socorreu e acolheu”, afirmou Fernando.


Comentários