Municípios Sulbaianos ganharão Memorial da Educação para as novas gestões

Memorial_Oficina_Carlos Eduardo e Luciano Veiga
Luciano Veiga, diretor executivo da AMURC fala da importância do Memorial de Gestão(Fotos Viviane Cabral)

Os municípios Sulbaianos serão contemplados com o legado importante, que é a continuidade de projetos na área da educação. O projeto de construção do Memorial de Gestão para o próximo gestor municipal está sendo realizado pelos dirigentes municipais, em oficinas técnicas, até sexta-feira (21), em Itabuna e cidades circunvizinhas. A ação é uma iniciativa da Amurc, promovida com as parceria do Pró- Reitoria de Extensão da UESC, Fórum de Secretários de Educação Municipal – Forsec , e os  Institutos Natura e Arapyaú.

Desde o início do ano, secretários e técnicos municipais estão sendo orientados sobre o preenchimento de dados levantados da prefeitura, na plataforma CONVIVA, referentes ao setor da Educação: aspectos gerais da gestão, administrativa, pedagógica, democrática, transporte escolar, alimentação escolar, estrutura e documentação, pessoas e o Plano Municipal de Educação. O objetivo é deixar registrado, para a próxima gestão, os avanços, as conquistas e a situação da secretaria de educação em relação às diferentes áreas de gestão.

Para a Secretária de Educação do município de Una  e vice-presidente da Undime-BA, Leninha Vilanova, o Memorial é “uma excelente ferramenta de gestão, pois além de dar um norte para quem chega, sobre o que deu certo e o que precisa refazer, mostra a nossa responsabilidade com a cidade e com os cidadãos. É um dos grandes avanços que a parceria com a Amurc vem trazer para a região: a formação da Gestão Pública com eficiência”, destacou.

Carlos Eduardo Sanchez e dirigentes municipais de educação (1)
Carlos Eduardo Sanchez orienta os dirigentes municipais de educação

O projeto conta com a expertise do consultor da Constat – Educação, Carlos Eduardo Sanchez, que frisou a importância do Memorial para quem está terminando a gestão e quem vai assumir as Secretarias de Educação da região. “Nesse processo, de quem está saindo, ganha e quem está entrando também ganha. O ponto fundamental na transição é estabelecer que o foco é o estudante, e não pode, em hipótese alguma atrapalhar a trajetória dele na escola”.

Ainda segundo Sanchez, o Memorial de Gestão que está no Conviva atende a Constituição Federal e as sugestões do Tribunal de Contas. “O artigo 37 da Constituição estabelece os princípios importantes da Gestão Pública. Um é o dar transparência de todos os atos e o outro é dar legalidade de todos os atos”.

Homenagem

Como forma de reconhecimento das atividades realizadas em prol da continuidade das ações na área da educação, os parceiros estarão homenageando os dirigentes municipais de educação no dia 24 de novembro. Para o coordenador executivo da Amurc, Luciano Veiga “os dirigentes estão deixando um grande legado na área da educação, e nada melhor do que reconhecer essa contribuição tão importante para a sociedade”, pontuou Luciano. (Por Viviane Cabral)


Comentários