Hamilton vence GP do Brasil com chuva

Hamilton GP do Brasil (Foto: Reuters)Muita chuva, duas paralisações, vaias do público e o título de 2016 da Fórmula 1 ainda em disputa. Em um dia que podia terminar com festa para Nico Rosberg e Felipe Massa, a vitória de Lewis Hamilton em uma prova bastante tumultuada e encerrada pelo limite de tempo adiou a decisão para Abu Dhabi.

Favorecido por suas bandeiras vermelhas e muitas voltas sob o safety car, o inglês mal foi ameaçado por Rosberg, que terminou em segundo. Em seu adeus, Massa não foi bem, bateu e saiu da pista chorando, produzindo a cena mais bonita da tarde ao chegar ao pit lane aplaudido por mecânicos de todas as escuderias.

O público, como em todo o fim de semana, aplaudiu e apoiou o piloto da Williams, que dá adeus à Fórmula 1 após 14 temporadas. Mas quem foi a Interlagos não ficou exatamente feliz com o que viu, e não por causa de Massa. A cautela da FIA, que deu duas bandeiras vermelhas por conta da chuva, tirou a paciência da torcida, que vaiou bastante durante os mais de 40 minutos em que os pilotos ficaram recolhidos nos boxes.

Quando a corrida foi finalmente reiniciada, as disputas foram menos intensas do que poderiam, com seguidos acidentes forçando a entrada do safety car. Favorecido por isso, Hamilton liderou de ponta a ponta e chegou a 355, contra 367 do ainda líder Rosberg. Para ser campeã em Abu Dhabi, última corrida do ano, resta ao alemão precisa só de um terceiro lugar nos Emirados Árabes.(Uol)


Comentários