Em Ilhéus Sindicato presta contas aos terceirizados da educação

Assembleia_terceirizados_ilheus_02_05_2016Informar a categoria dos trabalhadores terceirizados da rede estadual de educação em Ilhéus sobre o resultado positivo de reuniões realizadas na Secretaria Estadual de Educação-SEC-BA, foi o objetivo principal de uma Assembleia ocorrida na manhã desta segunda-feira(02) em Ilhéus.

“Graças à luta dos trabalhadores e o esforço da equipe do Sindicato, conseguimos sai da reunião na SEC com a garantia de pagamento dos salários em atrasos da Locserv”. Comemorou o coordenador regional do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul da Bahia (Sindilimp) José Carlos Conceição de Jesus.

Cerca de 180 prestadores de serviços que atuavam nas escolas pela empresa Locserv estão recebendo salários dos meses de dezembro de 2015, Janeiro e Fevereiro de 2016. “O Sindilimp continuará na luta para conseguir que os terceirizados recebam os direitos trabalhistas previstos na rescisão contratual”, disse José Carlos.

Dívidas de outras empresas

Segundo o Sindilimp, terceirizados da empresa Basetec estão com um mês em atrasos de salários, vale transporte e vale alimentação. Já a empresa AML falta pagar dois meses de salários e ainda os vales.

Essas empresas são responsáveis pela terceirização de mão de  obra dos trabalhadores pertencentes à rede estadual da educação. Eles atuam nos setores de limpeza, portaria, cozinha e secretaria. “Estamos dialogando com as empresas e governo para fazer os pagamentos ”, finalizou José Carlos.


Comentários