Educador português José Pacheco visitará os três campi da UFSB

gajoNo período de 25 a 30 de setembro, a Universidade Federal do Sul da Bahia- UFSB receberá, nos campi e Complexos Integrados de Educação (CIE) de Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas, a visita de José Pacheco – educador português, dinamizador da gestão democrática na educação e reconhecido em todo o mundo pelo seu trabalho na Escola da Ponte, em Portugal.

Especialista em leitura e Escrita, José Pacheco é mestre em Ciências da Educação pela Universidade do Porto. Idealizou e coordenou, desde 1976, até à sua aposentadoria, a Escola da Ponte, instituição que se notabilizou pelo projeto educativo baseado na autonomia dos estudantes. No Brasil, colabora com projetos que seguem os conceitos da Escola da Ponte. É autor de livros e de diversos artigos, definindo-se como “um louco com noções de prática”. Para ele, para transformar a educação, os brasileiros devem valorizar a leitura de seus pensadores, como o pedagogo Lauro de Oliveira Lima.

“O currículo escolar tem que ser construído junto com a comunidade. Aula é coisa dos séculos 18, 19. A escola no modelo atual produz desigualdade, encontramos milhões de analfabetos funcionais no Brasil, o que é uma vergonha, mas é o que esse modelo de educação produz”, argumenta Pacheco.

Pacheco realizou reuniões com o Reitor da UFSB, Naomar Monteiro de Almeida Filho, em Brasília e aceitou o convite para conhecer a UFSB. Durante a visita, o Professor Pacheco conversará sobre o projeto da UFSB com docentes, estudantes, técnico-administrativos, familiares de estudantes e membros da comunidade da região.

O Educador fará a aula inaugural nos três campi. No dia 26 de setembro, o professor visitará o campus e o CIE de Itabuna. Dia 27 e 28, fará a visita ao campus de Porto Seguro. E, para finalizar, no dia 29, a visita será ao campus de Teixeira de Freitas.


Comentários