CDS no Encontro Nacional de Colaboração Intermunicipal em Educação

Nos dias 26 e 27 de setembro, o secretário executivo do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Território Litoral Sul (CDS-LS), Luciano Veiga, a coordenadora da Câmara Técnica de Educação e secretária municipal de Itapitanga, Cláudia Corrêa e a coordenadora da Câmara Técnica do Consórcio Intermunicipal do Mosaico das Apas do Baixo Sul (CIAPRA) e secretária municipal de Educação de Ibirapitanga, Viviane Aragão irão participar do IV Encontro Nacional de Colaboração Intermunicipal em Educação, realizado em Curitiba.

A proposta do evento nacional é reunir os líderes de Arranjos e Consórcios que compõem a Rede de Colaboração Intermunicipal em Educação e, também, outros líderes de Consórcios e de Arranjos que não a integram, mas que estão desenvolvendo ações conjuntas na Educação.

Será o quarto ano consecutivo de realização deste encontro e é um momento importante para que os líderes se conheçam, troquem contatos, se aproximem e percebam que podem aprender cada vez mais uns com os outros através de palestras e oficinas coletivas. A intenção da iniciativa é fortalecer a cultura de colaboração interpessoal e institucional.

Para Luciano Veiga, a participação do CDS-LS implica no desenvolvimento de habilidades, entre elas, gestão de grupos, gestão de conflitos, captação de recursos, condução de diagnósticos territoriais, planejamento integrado e sistêmico, compreender e monitorar a equidade da aprendizagem dos estudantes do território, conquista de parceiras e gestão dos parceiros, avaliação e monitoramento de indicadores e aperfeiçoamento da comunicação.

“A ideia é que os municípios próximos geograficamente possam pactuar ações conjuntas e se unir para solucionar problemas comuns na área de educação. E que os limites político partidários, geopolíticos, culturais que possam existir entre esses municípios não sejam barreiras para que todas as crianças do território aprendam adequadamente aquilo que é o esperado em cada ano escolar”, explicou o secretário executivo de CDS-LS.

Além disso, que os municípios com mais condições técnicas e/ou financeiras num determinado território cooperem com os outros e que, assim os profissionais passem a compartilhar experiências, metodologias, recursos, entre outros. Eles, juntos, se fortalecerão.


Comentários